Moradores da Rocinha vencem 3ª edição do Festival Brasileiro de Nanometragem

Sob aplausos da platéia, o vídeo “Anjos não falam” venceu o 3º Festival Brasileiro de Nanometragem, em Atibaia (SP). O festival tem como foco o incentivo à produção de filmes de até 45 segundos.

O vídeo produzido pelos moradores Marcos Braz (34), Sérgio Mib (28) e Fabiana Escobar (33), do grupo Rocywood, é sobre o uso da criança para fins comerciais e para satisfação pessoal de adultos. (Assista o vídeo no final da matéria)

Segundo Fabiana, ela foi convidada por Sergio para produzir um roteiro de documentário com o mesmo tema do vídeo premiado. Porém, eles quase perderam o prazo de envio do vídeo para o festival após um erro de leitura no edital. “Achamos que o edital pedia 45 minutos de video, percebemos o equívoco e não desistimos e eu fiz um novo roteiro. O desafio foi maior porque eu teria apenas 45 segundos pra passar uma mensagem que eu julgo importante”, conta ela.

Fabiana Escobar e Sérgio Mib exibem troféu de campeões. (Foto: Divulgação/Rocywood)

Fabiana Escobar e Sérgio Mib exibem troféu de campeões. (Foto: Divulgação/Rocywood)

O formato do festival aumenta a possibilidade de participação de produtores amadores que, sem a necessidade de um aparato profissional, podem realizar seus trabalhos usando a criatividade e equipamentos simples como celulares, tabletes e câmeras fotográficas.

Com o título, o vídeo será exibido no Festival Internacional de Contis, na França, e no Festival de Porto, em Portugal.

O festival

O 3º Festival Brasileiro de Nanometragem foi realizado de forma independente, sem ajuda ou recurso público, pela associação Incubadora de Artistas, com apoio da rede de cinema Centerplex. Ao todo, foram exibidos 78 filmes de até 45 segundos, que concorreram a mais de R$ 6 mil em prêmios.

Assista o vídeo premiado abaixo

Faça um comentário